terça-feira, 3 de maio de 2011

MAMI'S SHAPE (O Segredo da Desembarangada de Ivetão)

Estou voltando com um assunto que é recorrente em rodinhas de mulheres (não só de mães). O nosso lindo corpitcho. Sim minhas caras, vaidade é um negócio que não se despede da gente por uma janela quando o bebê entra pela porta. Não!


Ela pode ficar esquecida por alguns momentos no pós-parto (salvas as devidas exceções como Claudia Leite e Fernanda Lima), momentos de total e completo encantamento e dedicação ao novo serzinho (leia-se, desespero, falta de experiência e dúvidas do tipo "o que eu faço com esse resto de cordão umbilical grudado na barriga do meu filho??? SOCOORROOO"). Mas logo nossa vaidade volta pela janela e começa a perguntar pra gente: "E ai baranga? Ser mãe não é desculpa pra se transformar em mocréia não!"

Aí pronto, você fica neurótica, começa a achar que a sua barriga vai ficar pra sempre torta pro lado esquero (a minha ficou umas 3 semanas assim e eu J U R A V A que nunca mais ia voltar ao normal, tragédia), que o seu cabelo nunca mais vai parar de cair, que vai ter que usar o sutiã da sua avó depois que parar de amamentar e por aí vai.

Pois colega, se você também entrou nesta neura, seus problemas acabaram! Apresento a vocês a nova moda entre as mães modernas! É o fim da Solange Frazão, do Shake da Luciana Gimenez, do AB isolator e dos planos anuais de academia!
Chegou o revolucionário plano “Mami’s Shape”. Com ele você terá dietas e treinos práticos, adaptáveis ao seu dia a dia conciliando a presença do bebê com a sua vaidade!

Passo 1: A partir de 1 mês

Obs1: Notem que eu pulei o pós parto, já que eu acredito que nesta fase a gente ainda está totalmente enlouquecida com outros assuntos, então ninguém ia topar iniciar o “Mami’s Shape”.

Quando o bebê já tem um mês de vida, você provavelmente já está menos maluca e é capaz de seguir os passos do programa. Essa fase é muito simples:

Dieta: Preocupe-se com a amamentação do bebê que a natureza faz o resto. Ou seja, nada de frituras, chocolate, refrigerante, café ou temperos muito fortes. Beba muita água.

Treino: Coloque o bebê para arrotar e fique em pé. Ande por toda a casa, geralmente temos que esperar uns vinte minutos, portanto é o tempo pra fazer um leve exercício. Enquanto o bebê dorme, reze para sua barriga desentortar (eu rezei, e funcionou, também usei a faixa de pós operatório, mas acho que se eu não tivesse feito promessa pra Santa Rita nunca mais tinha voltado no lugar).

Passo 2: A Partir dos 5 meses

Agora o bebê já começou a comer as papinhas e tomar os suquinhos, ele também deve estar começando a brincar no chão.

Dieta: Siga a dieta do passo 1, e quando a fome bater coma os restos de papinha do bebê. Infalível!

Treino: Enquanto pega o bebê no chão, faça agachamentos. O exercício consiste em afastar as pernas na largura do quadril e agachar. Nesta fase também dá pra começar a malhar o bíceps, enquanto levanta o bebê no ar.

Passo 3: A partir de 10 meses

O bebê engatinha e as papinhas começaram a ficar mais consistentes. É um ótimo momento para intensificar os treinos.

Dieta: O passo 1 ainda continua ativo (até você parar de amamentar). Nesta fase você já voltou a trabalhar, portanto a idéia é a seguinte: Não coma nada que você não daria para o seu filho, ou seja: feijoada, buchada, rabada e demais comidas que terminem com Ada estão terminantemente proibidas.
Treino: Coloque o bebê no carrinho e dê uma volta pelo bairro. Agora que você já está com um condicionamento físico melhor, devido aos passos anteriores, vale dar uma corridinha de vez em quando. O Theo adora!

Passo 4: Até os 18 meses

O bebê já anda, já come quase de tudo, você já está ficando maluca com a dupla jornada e a Ivete Sangalo já desembarangou depois do parto dela (detalhe, o bebê dela é mais novo do que o seu!). Calma, continue firme que os resultados serão nítidos!

Dieta: Coloque a sua comida num prato, a do bebê no outro, e sentem os dois para comer. Você vai dar a comida dele pra ele, comer o restinho e desistir de comer a sua. FATO.

Treino: O bebê não só já anda, como também corre, adora enfiar o dedo na tomada, a testa na quina e os seus controles remotos na privada, portanto: Corra atrás dele mamãe! Esse é o treino aeróbico! Você também vai malhar braço, pois, após o dia inteiro longe de você, o bebê não vai querer sair do seu colo. Portanto prepare-se para desenvolver as mais variadas atividades com o bebe no colo: Falar ao telefone, escovar os dentes, mexer panela, abrir e fechar portas e por aí vai. Lembre-se de trocar o bebê de braço de vez em quando ok????

Passo 5: Até os 7 anos

Seu filho já saiu das fraldas, não quer mais ficar o tempo inteiro no seu colo, mas ainda dá pra malhar bastante, saca só:

Dieta: Siga a mesma dieta do passo 4 (ela poderá ser seguida, em alguns casos, até os 18 anos)

Treino: Seu filho acha que faz tudo sozinho, mas ele sempre vai te chamar pra ajudá-lo, e você certamente estará fazendo outra coisa, por isso CORRA! Pra pegar a toalha, pra apagar a luz, pra cobrir na cama, pra ajudar a levantar, curar machucado, olhar passar de fase no vídeo game, tirar uma dúvida da lição, e por aí vai! Além disso, ele ainda pede colo com uma certa freqüência. E esse é o estágio mais avançado do nosso treinamento! Pegue-o no colo! Dê um cheirinho no pescoço e o leve pra cama depois de horas brincando. Você vai esculpir todos os músculos do seu corpo e nem vai perceber, pois em cabeça de mãe, aquele menino de 7 anos e 20 kilos, vai ser sempre o recém nascido de 3,200kg que acabou de sair de dentro de você!

Obs: Após o passo 5, algumas mães já são capazes de freqüentar uma academia comum, o que é ótimo! Mas outras gostam Tanto do Mami’s Shape que resolvem começar tudo de novo! É, mãe é mãe!

4 comentários:

Sol! disse...

Seus Problemas acabaram! Descubra agora o Segredo da Desembarangada de Ivetão Sangalo depois de ser mãe!A dieta revolucionária com plano de treinamentos gratuitos!

Tati disse...

AMEEEEEEEEI.. tinha que ter lido isso beeeeeeem antes...
Bjssss
Tati

Afrodite disse...

Tb gostei do post...mas creio que pra mim já é tarde...embaranguei no terceirto filho e tá difícil voltar a ser o que fui um dia...rs..rs...rs...
Feliz Dia das mães pra ti,menina!
Beijo!

Juliana Rachel disse...

kkkkkkkkkk

Pela primeira vez eu leio um conselho coerente ao dia-a-dia de uma recém-mãe!!!

kkkkkkkkkk

Agora sim dá pra ser feliz..rss

Já amava teu blog antes, agora amo mais ainda, tenho dois filhos e adoro estar sempre falando sobre eles..rss
Dei uma parada no meu blog, mas já voltei a tona, em breve falo das peripécias da minha duplinha por lá..

Beijocas a todos aí querida!!

Ju