quinta-feira, 7 de agosto de 2008

(?) 13 (!!!)


... a década de 80!

Quem já teve 13 anos sabe que quando você passa dos 12 pros 13 é como chegar nos anos 80. É a década perdida da sua própria vida! Suas roupas são horrorosas, você gasta dinheiro comprando CD´s que nunca mais vai querer ouvir (sim, quando eu tinha 13 anos não tinha essa de baixar música na internet, tinha que desembolsar a grana da mesada pra comprar as 7 melhores da Jovem Pan), tem cabelo pra caralho e é incapaz de fazer uma escova bem feita.
Pior, eu sofri de todos esses males e ainda: Usava aparelho, óculos, era apaixonada por um cara do terceiro colegial (que tinha namorada) e o mais grave... EU ERA UMA DAS ÚNICAS MENINAS QUE JÁ TINHA PEITOS, E USAVA, PORTANTO, O FAMIGERADO SUTIÃ (ta, na época ainda não era 44).
Tudo bem, foi traumático, e até hoje eu agradeço a todos os santos por ter sobrevivido “aos treze”, mas ultimamente tenho percebido que há muito mais daquela pré-adolescente tosca em mim do que eu gostaria...

Começou com uma reunião. Se você tem 13 anos e morre de vontade de virar adulta, vestir um terninho chick e sair dizendo “Oh, tenho que ir gente, estou atrasada pra uma reunião” com uma cara bem blasé, ta na hora de te jogar um balde de água fria amiga. Porque até hoje não consegui identificar a aplicação prática de nenhuma reunião de trabalho que eu fui (e eu corto o meu pau fora se alguma das pessoas que estava comigo na reunião consegue me provar que ela serviu pra chegar a qualquer conclusão). Todo mundo quer falar, ninguém diz nada que preste e no fim o trabalho sujo sobra pra você! Vai por mim, ler Capricho é bem mais produtivo que reunião com gerente de empresa.
Mas enfim, ossos do ofício, lá estava eu naquela chatice sem tamanho, entediada enquanto o meu coordenador, Fanho, apresentava a pauta... Pensei em fingir um mal súbito pra matar a reunião, mas ao invés disso achei um chiclete. A solução dos meus males! Mascar chiclete é terapêutico pra mim desde os 13, ainda mais se ele for de melancia (o melhor sabor artificial do mundo), porque em 97 o pipoqueiro da frente do Anglo fazia promoção (1 pipoca + 2 babaloo de melancia por R$1,00).
Pronto, mundo perfeito, eu na reunião mascando chiclete de melancia na frente dos diretores (olha aqui seus feios, chatos e bobos! Eu masco chiclete na cara do perigo uuaaaaháháhá – risada maligna), mas repentinamente ela apareceu, foi mais forte que eu, irresistível... Uma bola! Ia ser enorme se eu não tivesse percebido a merda que eu tava fazendo, abortei o meu bolão no meio, mas o chiclete estourou no nariz. Devido à minha prática de mais de 10 anos com chiclete de melancia não foi difícil contornar o ocorrido, mas era tarde demais, o Diretor do Departamento viu!

Meudeusdocéu putaqueopariu cacete!!! Eu continuo tendo 13 anos em algumas coisas. Chiclete de melancia é uma delas... Cantar Madonna na frente do espelho, com coreografias ensaiadas desde 96 e fazendo a escova de microfone... Dançar pra olhos mágicos, só pra tirar uma onda de quem vem abrir a porta, Dormir com um cachorro de pelúcia remendado... Ter uma brusca queda por homens difíceis e mais velhos... (tudo bem, agora com filhos, mas não vem ao caso)... E por incrível que pareça eu ainda sofro pelo tamanho do sutiã...
Eu confesso que ter 24 é bem mais legal, eu posso usar roupas parecidas com as da Madonna sem aparecer em matérias do Globo Repórter sobre prostituição infantil, eu danço comigo mesma dentro de elevadores também hoje em dia, pra constranger as pessoas quando a porta abrir e elas me verem coreografando entre 4 paredes, eu ainda durmo com o Bidu (meu cachorro de pelúcia remendado), mas numa cama de casal que eu comprei com o meu dinheirinho e quanto a queda por homens mais velhos, hoje eles também querem me pegar (o Big me acha mirim, mas no fundo eu sei que ele gosta!).


Enfim, pra você que tem 13, ou quase 13, calma, um dia isso passa, e vai ser mais rápido do que imagina (ou até do que você quer).

De repente você vai se ver no meio de um mundo tão louco que vai dar a maior saudade daquele tempo em que o que mais importava era saber de quem os meninos da classe gostavam, fazer aquele teste da revista pra ver com qual Spice Girl você se parece mais ou de ir na casa da sua melhor amiga fazer uma panelona de brigadeiro, falar mal de todo mundo enquanto comer e não engordar nenhuma grama por isso (prepare-se, o metabolismo vai mudar querida)!

E pra quem já passou dos 13, se olha bem no espelho, lembre-se das espinhas que teve um dia, das músicas escrotas que ouvia, das roupas da Pakalolo, das domingueiras tocando poperô, onde todo mundo pegava alguém, menos você! Se lembre de quanto tempo gostou daquele carinha da 7ª. Série B, que nem sabia seu nome, daquela carta de amor piegas que escreveu e pela qual até hoje você se arrepende...
... E pense que Deus escreve certo por linhas tortas, o cara provavelmente está horrível hoje em dia, porque ninguém é bonito aos 13, quem é bonito aos 13 é impegável após os 20! Por fim, pense: PUTA QUE O PARIU, AINDA BEM QUE EU NÃO TENHO MAIS 13 ANOS!

45 comentários:

Lívia disse...

Hahaha, eu tb usava óculos e aparelho! E era uma merda ter 13 anos, mas pensando bem...os meus dramas eram bem menores que os de hoje. E adorei a foto q vc colocou. É um filme bobinho, mas EU ADORO "De repente 30"!!!.

Cara, adorei essa parada de música ao fundo!! Como se faz para colocar isso??? Eu PRECISO saber! rs.

Beijos!!!

Sol! disse...

hauhahuahauha

meu, quem era bonito com 13 anos???? foda viu!

então filha, clica aí na caixinha onde lê-se "GET YOUR OWN" que vc vai entrar no site pra fazer a sua pópria (eu roubei de outro blog isso tbm, é o mundo dos sonhos as pessoas lerem seus posts ouvindo as músicas que vc escuta pra escrever hehehe)

bjosss

Vê Guimarães disse...

Perfeito. Ah pra falar um pouquinho, eu era NOIVA aos 13 anos kkkkkkk. Beijos.

Sol! disse...

PORRA!

noiva aos 13 é grave hahauauhauha

Valeu pela vista vê

Vicka disse...

Eu parecia satanás com 13 anos. Sem drama. Parecia memso. E não era nada disso de diabinha sexy da playboy, era o cão chupando manga. E, Sol, você definiou exatamente o que penso sobre essas estúpidas reuniões intermináveis. Estúpidas! O nosos encontro está super de pé! Onde pode ser??? Bjo!

Bell Bastos disse...

Nossa, não tenho mais 13 anos, mas quase... 15 (quase 16).
fdgihsdfiugdh

E tipo, eu uso aparelho, tenho que usar óculos mas até hoje num mandei fazer, sou menos feia do que quando eu tinha 13 anos (nuss, com 13 eu realmente era mais feia cara!). Mas pra mim, a minha pior fase mesmo foi com 11, 12 anos, que eu era mais mais feia do que com 13, usava roupas realmente muito feias, gostava de Rouge véi! E de tudo mais que fosse brega... Nem lembro muito bem dos meus 13 anos, mas lembro perfeitamente dos 12.

Bell Bastos disse...

Não, eu tenho que complementar o meu comentário! Eu passei uns dois anos gostando de um menino mais velho cara! E realmente AMAVA mascar chicletes (hoje em dia eu num gosto mais). E hoje em dia eu gosto de um mais velho também, só pra variar... dsaufhusdfiuasf Mas a diferença de idade nem é mais tão grande assim. :D

Aliás, amei mesmo o seu post.

Sol! disse...

bell

se te consola, daqui uns 10 anos vc vai encontrar com esse carinha na rua e não irá reconhecê-lo de tão barango que ele vai estar! E vc, que não era a gostosona da 6a. série, vai estar um mulherão huahahauha

Aí a vingança é malignaaaaa

Bell Bastos disse...

esrgharsighaiwughigiashdguias Gosteeei! A vingança é doooce!

Sâmia disse...

Pakalolo!!! Caralho, puta que pariu, eu tive um monte de roupa ridícula dessa merda. Mas com uns 11 anos, porque aos 13 eu já era punk. Foi quando me tornei mais ridícula ainda...

Lana Haydée disse...

bom, sou um pouco suspeita pq sou a "rainha da nostalgia". Se pudesse retroceder minha vida estaria com 16 anos, virando as madrugadas desenhando e sonhando com meu príncipe encantado...
Mas, a gnte nunca está satisfeito, né? Eu, pelo menos, NUNCA!

Carol disse...

Adorei aqui!
Meu Deus... ri mto com o seu texto e voltei aos meus 13 anos... Pakalolo... afe!!!

Mto bom...

Linkei lá no meu espaço...

Um beijo

Thiago da Hora Souza disse...

Por que parece que só eu não me lembro da minha infância? É um momento tão obscuro da minha vida, como se antes dos 18 não existisse nada e as raras lembranças meros sonhos. Ai... será que eu fiz muita merda e não quero lembrar agora??? Acho que farei regressão para tentar descobrir o que andei aprontando...

E é nóis no Noitão mano! \o/

cheia de manha disse...

adoreiiiiiiiiiii
perdoe a invasão...mas vim atraves de outro blog..sabe aqueles dias que vc fica de blog em blog? pois é foi assim que cheguei até aqui parei li e amei..=]
confesso hoje no meu auge dos 39 entrando na casa dos enta...confesso as vezes tb me sinto uma menina de 13 anos rsrs
saudades desse tempo..que não se procupava com nada na vida a não ser estudar e muito rsrs...não uso 44 mas 46 um número a mais rsrrs
vim, li, amei, te linkei e voltarei sempre!!
suave seja seu dia!!
bjoss...no coração
.
.
Sandrinha

Paola disse...

Tive 13 anos antes de 80.
Mas foi assim mesmo, não vestíamos um terninho, nós usávamos roupas de nossas mães e achávamos que estávamos abafando...(hoje isso não faz o menor sentido, já que as mães estão atacando as roupas das filhas.- dá uma tese)
Vai ver que a década de 80 saiu como saiu por nossa causa, as meninas de 13 anos, na década de 70!!!!
No tempo jurássico em que tive 13 anos, usáva-se Hang-Ten, Soft Machine, Fiorucci, e pasmem Zoomp, mas era coisa "teen".
Rá, mas ter 18 anos na década de 80, isso sim que foi surreal!!!!

Sol! disse...

tá, eu confesso que queria ter tido 18 anos na década de 80 paola... E ia adorar usar aqueles brincos da Andréa Beltrão em "Armação Ilimitada"... E as calças santropeito então!!! O cabelo das Panteras!!! E os Maxi pulls estilo flash dance!!!

Pronto, agora vou ter que ouvir "She's a maniac, maniac!!!!" até sair dançando no metrô rsssss

Alex&Elisa disse...

Realmente, AINDA BEM QUE NÃO TENHO MAIS 13 ANOS!!! Lembro que nessa época... Até um namoradO NERD eu tinha... kkk...


Elisa.

Marcella disse...

E sabe o que é pior?
Aos treze a gente pensa que é muito madura e adulta! hahahahaha

Mas eu vejo sempre a meninad e 13 em mim.

Beijos

coizinha disse...

meus treze anos foram maravilhosos...amei minha festa de aniversario, ganhei um baita presente e beijei pela primeira vez...axo que mês passado foi muito significativo pra minha vida...

Larissa Santiago disse...

kkkkkkkkkkk
kkkkkkkkkkkk

eu era bizarraaa
mas nao volta mais né???
tomara!

:P

Lívia disse...

Brigada pela dica, nega! Hahaha, e aqui está então o convite pro show do circo voador hein: dia 29/08 Diogo Nogueira+velha guarda da Portela+Marisa Monte!

Vai ser foda demais. 30 pratas meia entrada! =))))

Beijos!

marden disse...

Ou, dukaralho isso tudo aqui, viu! Gostei mesmo!

Virei leitor e quero ser de casa!

abraço

linkei

Cruela disse...

eu ainda uso óculos.
no meu tempo não tinha cd
e eu usei saia balonê.

pronto falei

HARA, Simone. disse...

Eu não tenho muito mais que 13 anos, mas eu me sinto como se tivesse.
hahaha
Droga.

Andreas Ribeiro disse...

Oieee

Adorei o texto... ter 13 anos não é fácil pra ninguém mesmo... hehehe

Eu fico cantando nos corredores da empresa, usando a caneta como microfone e sempre passa alguém com cara de assustado pra mim... realmente, ainda temos 13 anos as vezes... e isso é bom!! mas é bom não termos mais 13 também!!!

Muito legal!!!
Beijoss

Eu sou o Andreas do blog Divã Rosa Choque!!! o universo feminino contado por algumas mulheres e um homem (este que vos fala... hehe)
Espero que goste

Francielle da Maia disse...

HAHAHHAHA
adooooorei seu blog..
o nome do blog haha ja começo engraçado..e muito criativo tudo tudo por aqui...

o texto entãão hahaha

aos 13 anos eu era uma mistura de rockeirazinha com grunge hauhauahuahuHUHAU que terríveeeeeeeell, mas ate tinha muito pretendentes namorei fiquei 4 anos com um menino...mas olhas as fotos de antigamente, da alfinetada no coração hahaha de tristeza da bixa hauahuhaua



beeeijos.

Francielle da Maia disse...

HAHAHHAHA
adooooorei seu blog..
o nome do blog haha ja começo engraçado..e muito criativo tudo tudo por aqui...

o texto entãão hahaha

aos 13 anos eu era uma mistura de rockeirazinha com grunge hauhauahuahuHUHAU que terríveeeeeeeell, mas ate tinha muito pretendentes namorei fiquei 4 anos com um menino...mas olhas as fotos de antigamente, da alfinetada no coração hahaha de tristeza da bixa hauahuhaua



beeeijos.

Mineirícia disse...

treze, época perdida mesmo! época que eu nem gosto de lembrar!

quando eu vejo fotos, tenho vontade de sumir! rs que cabelo ridículo era aquele? que baleia orca é aquela na foto? e o aparelho? e o short balão? meu Deus, como as pessoas não jogavam pedra em mim? hahahaha

olhar pra dar me dá uma agonia imensa! hoje agente vê como está melhor né? ahhh se eu tivesse a cabeça de hoje..teria dado as melhores respostas, teria dado uma surra na minha vizinha pentelha..ohh se daria! rs

um beijo! adorei o blog viu? ahh e amo o filme da foto, de repente 30 ;)

Persona Perversa disse...

E o encontro das blogueiras de peito? Saí ou não saí?

Bjuca!

Garotas de Vinte e Poucos disse...

Sol, eu usava sutiã na segunda série, com 8 anos.... ninguém merece! E Se Não fosse tiara Pakalolo, eu nào queria! kkkk

Bjo
*Lala*

-- passa no Garotas!

Thiago da Hora Souza disse...

Alguém não apareceu no local combinado. ¬¬

Frederico Blahnik disse...

Exatamente... alguém tomou chá de sutiã... o q houve?

;-o

Pucci disse...

Me revisitei agora...e notei que com 13 anos eu era BEM pior do que tudo isso que voce escreveu haiuhaiuha

adorei!

Bjos

Sol! disse...

meninos fred e thiago, mea culpa viu! mas ó, manda o thiago começar a olhar as msgs que recebe no celular, pq eu escrevi pra ele e ele nem me respondeu! pedi pra vcs me avisarem a hora que chegassem no cinema e nadaaaa (pq mesmo sem comprar ingresso eu pelo menos conhecia vcs né???)
ai PORRA, queria mto ter visto o blahnik de mal humor com os filme do HSBC

Thiago da Hora Souza disse...

Então, né... Meu celular está ruim e as vezes não recebe mensagens. =X HAHAHAHAHA

Mas não se preocupe, hoje chega meu celular novíssimo, belo e fashion. Aí sim vou começar a receber suas mensagens. ;) HAHAHAHA

E vou avisar o Frederico do passeio com as moçoilas no sábado. Depois me avise onde e a hora.

E desculpe por ter pensado mal de você. Eu xinguei taaanto você... HAHAHAHA Estava tão bravo que torci para seus sutiãs encolherem. HAHAHAHAHA

♥ღ♥ Joh ♥ღ♥ disse...

nossa encontrei seu blog lá no blog do fred! adorei! esse texto me fez lembrar dos meus 13 anos! a diferença é q eu não tinha comissão de frente alguma, nem d trás! hehe! mas as roupas toscas, as paixões por meninos mais velhos q nem sabia da minha existência! nossa! as vezes ainda ajo como se tivesse 13 anos, mas aos 24 eu tbm vejo q a vida era bem mais fácil em alguns aspectos! dá saudades as vezes, mas tbm agradeço por já ter passado dos 13! hehehehe!
parabéns pelo blog!
até mais!

Cris Motta disse...

O cara que eu amava aos 13 tinha 14 anos e nem estava ai pra mim. Ele namorava uma menina de 11 anos que tinha os peitos enormes!!! :)))
Hoje em dia é quase ele que esta com os peitos enormes.. barango, gordo, acabado... kkk a vingança realmente é doce, mesmo passiva.

Hoje tenho 31 e estou casada com um cara lindo que na época dos meus 13 tinha so 9 aninhos... ;)
O tempo realmente é remedio pra tudo!

Seu blog é muito divertido! Parabéns!

Sol! disse...

Joh e Cris! Vou começar uma enquete aqui pra saber quem foi que se deu bem aos treze anos, pq tinha gente que se dava bem, mas estranhamente hoje em dia eu não tenho notícias dessas pessoas (algumas trabalham nos estabelecimentos de seus pais na minha cidade natal) e as outras simplesmente explodiram...

Thiago da Hora Souza disse...

Olha como você é ruim... para o Frederico você passa seu celular... HAHAHAHA Deixa você, deixa...

Anônimo disse...

na proxima quinta feira tem sutiã 44 na delas web radio.

abraços

khrisna ferraz
k.ferraz@delaswebradio.com.br

Anna Oh! disse...

Poxa, aos 13 eu ainda era a Mônica (baixinha, gordinha, dentuça), e apaixonada por um cara q hj tá só o bagaço, feio que dói e mal sabe articular frases haahahhah
Adorooooooooo!
Sofri mto nesses tempos, me escondia atrás de camisetona de banda e um cabelo vermelhão e enooorme. Hj virei uma lady Mônica, ainda baixinha, gordinha e dentuça mas com design arrojado hahahahahaa.
E reunião, trabalho... aaaah, eu preferia o brigadeiro de panela!

Fernanda Pereira disse...

Gzuuuiiiss, tem meia hora que eu to vagando aqui no seu blog lendo texto por texto.

E escolhi comentar tudo nesse aqui!

Tá confesso, preguiça das braba!

Mas, os 13 anos...eu tbem usava aparelho, e pior só eu, na escola interinha, usava aparelho. Nossa às vezes eu virava a sensação só porque meu sorriso era cercadinho...um inferno. Eu ensaiava madona, euainda canto com a escova de cabelos, abomino reuniões inúteis de trabalho e, claro, eu lia Capricho...ahahahaha

Ah...e também detesto, detesto mulheres loucas, neuroticas e que não acreditam em amizade entre homens e mulheres...

E mais uma coisa, vou linkar vc lá nas minhas crises compulsivas, porque eu gostei muito!

beijos

Semana boa pra vc!

Carolina Mendes disse...

Difícil escolher meu post preferido, mas esse, sem dúvida, me fez voltar no tempo!
Eu também era daquele tipo "pega-nínguem" nas festinhas da escola. Magrela, de aparelho, com um cabelo que "crendeuspai"... mas uma coisa ficou disso tudo: eu ainda (quase 20 anos depois) ADOOOOOORO chicletes de melancia!!! Rá!

Ana Julia Santos disse...

tenho 13 anos e me acho bonita, e não tem nada ver de ter 20 ser feia, eu em

Ana Julia Santos disse...

tenho 13 anos e me acho bonita, e não tem nada ver de ter 20 ser feia, eu em