domingo, 24 de maio de 2009

Não é que eu vi o Silvio Santos?




Talvez se eu tivesse visto essas cenas alguns meses atrás não teria me abalado tanto... Mas sabe, o fato de ter um neném de cinco meses dentro da gente muda mesmo o modo de ver todas as coisas no mundo, todas mesmo, inclusive o Silvio Santos.

Tudo que envolve o Silvio Santos nesse país vira circo e acaba em pizza! O cara foi pré-candidato a presidente em 89, e eu corto o meu pau fora se ele não ganhava do Collor e ia transformar Brasília no Topa Tudo Por Dinheiro institucionalizado, nada muito diferente do que já acontece hoje em dia (aliás, apostar em tudo que NÃO é novidade é especialidade do Sr. Abravanel! Se tem uma coisa que o ex-camelô e detentor da dupla peruca+dentadura mais horrendas desse país sabe muito bem, é que a máxima do Chacrinha é a verdadeira lei de Lavosier na televisão: Nada se cria, tudo se copia).

Em 2001 um maluco tentou sequestrar o cara, ou uma das centenas de filhas dele, e até o Alckmin foi parar na porta da mansão no Morumbi pra negociar com o sequestrador. Tudo isso sendo televisionado, é lógico, até a fuga cinematográfica do sequestrador e sua misteriosa morte por asfixia quando a polícia conseguiu finalmente botar as mãos no cara.

Copiando descaradamente, o Seu Silvio resolveu elevar a condição de máxima estrela a menina Maisa Silva, vinda da periferia, de alguma cidade do ABC paulista e montada com roupinhas e cabelo identicos ao da Shirley Temple, a menina de repente tinha 3 programas de TV na mão, inclusive um quadro de entrevista só pra ela, e ainda uma paródia no Panico da TV, onde é chamada toda semana de monstro.

Crianças prodígio enfiadas na televisão antes mesmo de saírem das fraldas são comuns nos EUA, a própria Britney (de quem eu sou fã, mas acho que ela devia contratar o mesmo figurinista da Maddona pros seus Shows) é um exemplo vivo disso! Esteve na mídia a vida inteira, apresentava programa infantil do Disney Chanel aos 4 anos, e hoje aos 27 tem seus dois filhos, seus surtos ligados a cortes de cabelo e até sua ausência de calcinha transformadas em notícia pelo mundo afora.

A Maísa estava indo pelo mesmo caminho, e muita (muita mesmo) gente se irritava só de olhar pra cara dela, estampada exaustivamente em todos os programas do SBT. Mas nessas últimas semanas a menina chata e pentelha me comoveu, e como mãe que eu já sou, me derreti toda e me senti até culpada por não parar pra pensar que por trás do personagem que alguém inventou pra ganhar dinheiro, existe uma criança de 7 anos que nunca mais vai poder ter uma infância normal.

Meu enteado tem 7 anos, e ele gosta de Ben 10, de contar e inventar histórias, de brincar de caracol e de subir em árvore. Ele é uma criança normal, que está aprendendo muitas coisas na vida do jeito mais legal que existe pra se aprendeer, Brincando!

Quando eu vi a Maisa chorando e correndo pra mãe no programa do Silvio, a mãe fazendo sinal de que não ia acolhe-la, não ia pegá-la no colo e dar um beijo na cabeça que doía para sarar, imaginei o desespero daquela criança. O que fazer se a mãe não ia ajudar? A quem recorrer? Quanto vale um carinho, um abraço, quanto vale mostrar pro seu filho que ele é a coisa mais importante da sua vida? Pros pais da Maisa vale o salário que o Silvio Santos paga. E se ele paga ele pode tudo com aquela criança, ele comprou a menina e tem o direito inclusive de ridiculariza-la na frente do Brasil inteiro, a chamando de medrosa e fechando a conversa com chave de ouro, com a máxima machista: "Se continuar desse jeito não arranja marido".

Como diria o sábio Raul Seixas: Não é que eu vi o Silvio Santos? Sorrindo aquele riso franco e puro para um filme de terror...

Ainda não entendi como aquela mãe não voou no pescoço do Véio Abravanel, e tirou aquela peruca dele na base da porrada! Mas de uma coisa eu tenho certeza, pelo resto da vida ela vai se arrepender de não ter acolhido a filha naquele exato momento.



Foi um daqueles segundos que faz diferença na vida da gente, como no dia em que a minha mãe me autorizou a bater na Talita, ou como quando ela fez a minha fantasia pra eu dançar da 4a série e todo mundo tinha comprado. Cheguei lá diferente do resto e sabe o que ela me disse? Que eu era diferente porque era especial (abafa o caso de ter faltado grana pra fantasia no fim do ano). O que importa é que eu dancei toda importante, mesmo com todas as outras crianças reparando que eu era a única galinha do Saltimbancos com penas diferentes. Pra minha mãe eu era mais do que diferente, eu era especial! E ela nunca precisou me botar na televisão pra eu entender isso.


15 comentários:

Miss X disse...

Não vou negar q ri com o termo "Véio Abravanel", mas enfim, tb achei terrível e olha q eu nem vi ao vivo, imagino para vc que é mãe...

Ah, espero q esteja correndo td bem com vc, ervilhinho, Big e cia!

Abs

Josi disse...

Não vi a cena, somente li sobre ela e olha, gostei muito do que escreveu, quem dera muitas mães possam acordar ouvindo ou vendo o ocorrido.
Colo de mãe não tem preço e cada uma tem o privilégio de poder oferecer um e negar este colo tão importante a uma pessao tão pequena e indefesa realmente faz a gente pensar em que valores muitos adultos estão ensinando as crianças.
T+

coizinha disse...

sol, eu vi a cena no youtube.

eu ja nao gostava dessa transformação shirley temple...

ja nao gostava dos ctrl v da sbt...

depois dessa cena é que eu nao gosto meeeesmo...


tem uma decisao querendo reclassificar o programa dele por causa dessa cena, estou enganada?

***

cinco meses é?
o tempo vôôôôa...
qualquer coisa hein, mamae é pediatra viu...rs

bjo

MateusDka disse...

Vi algo sobre o Conselho Tutelar querer rever o contrato da Menina Monstro, e punir os pais por expô-la dessa forma. Vai acabar em pizza de novo, eu acho, já que está associado à imagem do Silvio.

Esse merece meu clássico olhar blasé e um "afffff" de desprezo.

Bell Bastos disse...

Bom, na minha opinião, quando uma criança sonha em trabalhar na TV, tudo bem, mas não dessa forma!

Primeiro: essa menina deve trabalhar que nem uma condenada, mesmo tendo 7 anos, e isso é um absurdo!

Não assisti ao vivo mas fiquei horrorizada do mesmo jeito, e isso porque não sou mãe.

E no programa seguinte, o Véio Abravanel ainda ficou falando da situação e dizendo que não ia mais falar com a Maísa (ele falou isso ao vivo) porque ela tinha passado um vexame. A menina ficou chateada porque não queria mais falar sobre o assunto e o Véio continuou falando. Ela novamente saiu chorando do palco.

Até que ponto uma criança "deve" ser humilhada para que as autoridades façam alguma coisa? Sim, porque provavelmente os pais dessa menina (que por mais pentelha que seja continua sendo só uma menina)pelo visto estão só preocupados com o cachê no final do mês e não com a saúde da filha, tanto física quanto mental.

Gostei da maneira como você abordou o tema, e tenho uma visão beeem parecida com a sua.

Beeeijos a você e aO ErvilhO,
Bell.

marcella disse...

pobre maísa...
acho q a gente ja viu algumas maisas por ai...
britney, mara maravilha, simony. acho q todas tem um pouco de maisa... essa coisa de criança prodigio, que inevitavelmente, cai no ostracismo e um ostracismo cheio dos traumas.

Thiago da Hora Souza disse...

Esse caso da Maísa envolve muitos interesses. Do Silvio Santos, obviamente, afinal, o negócio do SBT é fazer dinheiro através da audiência, dos pais da menina, deslumbrados com os módicos R$ 20 mil mensais pagos pelo SBT em troca das traquinagens e língua solta da "menina prodígio", e por fim, do Conselho Tutelar de Osasco, que não havendo mais nada de importante que pudesse lhes dar visibilidade foram mexer no assunto quente do momento.

Carla Nunes disse...

Assisti o video de tanto ouvi o comentário [ confesso que nao vou com a cara da menina] mas o programa força isso.
independente disso ela tem 7 anos, é uma criança e morriiii de odio de todos rindo enquanto ela falava que a cabeça tava doendo muito.
Um ABSURDO!! e a sua MÃE MONSTRO fico simplesmente se esquivando...lamentável!

Mundo The L. disse...

Caaaara...

que feio...
meu tempo tá curto e só ouvia falar e falar...
ontem mesmo tavam comentando na rádio, que mesmo coma a ação judicial ela vai continuar com pelo menos dois programas, não mais com o Sílvio...

Mas, absurdo...
mesmo mesmo...
amei o teu jeito mãe...

linkei...
=*

Cruela Cruel Veneno da Silva disse...

só quero saber cadê o comentário enorme que eu escrevi aqui?

Sol! disse...

Veneno da Silva:

como assim? Eu tbm quero saber cadê!

Gente, eu tbm nao tinha assistido no programa, tive que procurar no youtube, mas fiquei tão chocada com o que vi que me recusei q reproduzir o link aqui, horrível a cena!

Andréa Haddad disse...

Oi Sol,
sou amiga da Veneno da Silva,
e olha como disse no blog dela por mim o ministerio público e o Conselho da infância e adolescência deviam arregaçar o Silvio Cretino o pai e a mãe da menina.
Não sou mãe mas sou a maior tia do país.. rsss
Sei o que é bater de cara no portão aos 7 anos com minha bike nova, e meu pai e minha mãe me segurarem com toda delicadeza e firmeza nos braços e me levar pro hospital! Cuidar, acariciar e trocar a bike por um fogão de 6 bocas, panelinhas de aluminio e abrir minha sensibilidade para o reino da culinária!

então vamos entupir a caixa de mensagem do Silvio Santos pra esse cara se tocar de algo e descobrir que audiência tem nome!

Abraços e boa semana!

GaB. disse...

Eu sempre tive muita pena da Maísa, por ela ser tão explorada pelo Silvio. Mas depois que eu vi essas cenas, me deu foi raiva.

Raiva da mãe da Maisa, do Silvio, da platéia que ria horrores, da camera que a Maisa bateu com a cabeça, de tudo naquela cena.

Coitadinha dela :/

Anna Oh! disse...

Ele é ridículo. Humilha mtaaa gente na tv, naqueles programas em q infelizes são sorteados pra girar uma roda ou completar letras óbvias que faltam pra completar uma palavra.
Agora, aquela mãe merecia tomar uma surra, e eu daria. Filho procura, precisa de suporte... se ela percebe q não tem, ela não tem chão.

Bjussss

Afrodite disse...

Oi!
Mesmo sendo meses depois de publicado,como mãe não posso me abster em comentar!!!
QUE ABSURDO!!!
Onde isso pode ser chamada de mãe?
onde fariam algo com algum dos meus filhos e eu,leoa que sou,iria ficar sem tomar uma atitude semelhante a que vc cobrou dessa desalmada?
Primeiro os meus filhos e f*** os outros!Nem todo dinheiro do mundo me faria ficar passivamnete assistindo um deles serem humilhados,seja lá quem for!Até mesmo presidente dos EUA!!
E tenho dito!
Beijo!